Medos e desafios da mulher de hoje: os 7 mais marcantes

7 medos e desafios enfrentados pelas mulheres

Com tantos medos e desafios é até complicado definir o que é uma mulher realizada nos dias de hoje. Há não muito tempo, era a mãe, esposa paciente, dona de casa dedicada… mas as coisas mudaram. Veja quais são os principais e depois conta pra gente se concorda.

Modernidade, papéis, medos e desafios

Em um tempo que não para, com tantas atribuições e estigmas para se reconstruir, a mulher tenta hoje fazer seu lugar no mundo. E é claro que novos medos e desafios farão parte dessa jornada, sendo mais comuns do que deveriam… conheça os 7 principais:

7. Mobilidade

O direito de ir e vir é assegurado pela constituição, mas não é bem assim que funciona, né? Infelizmente, o transporte público é reconhecidamente um local nada seguro para qualquer pessoa, principalmente as mulheres.

Não apenas pelo risco de roubo, mas principalmente pelo assédio. Segundo esse estudo , uma em cada 4 mulheres paulistanas já sofreram assédio em coletivos, um número que reflete a insegurança feminina.

6. Dupla jornada

Ela é independente, trabalha fora, recebe seu salário e ainda consegue cuidar dos filhos. Chegando em casa, dá conta da louça, pensa no almoço do dia seguinte, revê a lição de casa, dá uma geralzinha e então pode parar para respirar.

Uma narrativa linda, tão presente em propaganda de dia das mães ou da mulher, mas que deveria ser revista. Lidar com a dupla – as vezes tripla – jornada de trabalho, desgasta a mulher a ponto de exaurir suas energias e até saúde, física e mental.

5. Maternidade e casamento – ou não

Ser ou não ser, eis a questão. Nos dias de hoje, é muito comum que as mulheres adiem o casamento e a maternidade ou optem por não seguirem esses caminhos. Além de estarem muito ocupadas com o desenvolvimento profissional – assim como os homens, elas também sabem o peso dessas decisões.

Se tiverem, vão deixar tudo e cuidar somente do filho? Ou vão confiar os cuidados a outros? E como administrar tudo? Mas por outro lado, como será optar por não ter filhos? E o casamento, será que vale a pena mesmo? Até que ponto é válido ou somente uma convenção social? Certamente são questões importantes para a mulher de hoje.

4. Medo do fracasso

Entre os maiores medos e desafios, estão alguns papéis, dúvidas e cobranças, como por exemplo, ser boa filha, empreendedora, esposa, mãe, mulher. Claro que no olho do furacão, está uma pessoa sobrecarregada, estressada e com medo de não conseguir dar conta de tudo.

A imagem da super mulher, que consegue fazer 20 tarefas ao mesmo tempo e ainda estar linda e pronta para a noite, não passa de um modelo de perfeição inatingível. Consequentemente, causa ainda mais frustração e baixa autoconfiança.

3. Tempo para si

Em meio a tantas cobranças e responsabilidades, não é fácil para a mulher separar um tempinho para si. Acaba então mergulhando nas obrigações do dia a dia e nas cobranças dos seus papéis sociais. As coisas que ama e que fazem bem para seu corpo e mente, acabam ficando em último nas prioridades.

E quando faz alguma coisa boa somente para ela, é com peso na consciência ou a sensação de que não está fazendo tudo o que precisa/deve fazer. Com isso, ela acaba embarcando as atividades dos filhos/parceiro(a)/família e esquece de fazer o que gosta ou precisa.

2. Desigualdade

O teto de vidro é uma triste realidade, não tem como simplesmente fechar os olhos. De acordo com esse estudo, realizado em um dos melhores países para se morar (Austrália), “mulheres e meninas continuam a vivenciar desigualdade e discriminação em muitas partes importantes de suas vidas, o que pode limitar as escolhas e oportunidades disponíveis para elas”.

Para você ter uma ideia, o estudo mostra que as recebem 15% a menos que os homens e representam 68% das cuidadoras de idosos familiares. Além disso, 95% das licenças parentais são tiradas por mulheres, que passam 3 vezes mais tempo cuidando dos filhos que os pais. Elas gastam 64% do seu tempo fazendo atividades não remuneradas, o dobro do tempo gasto pelos homens.

1. Solidão

Cada vez mais mulheres estão se queixando da falta de conexão, apoio e compreensão em seus relacionamentos, seja amorosos ou familiares. Os medos e desafios são muitos e as vezes, as pessoas que estão ao seu redor simplesmente não compreendem.

Com isso, nasce esse sentimento de solidão profundo, uma fome da alma por uma boa conversa. Aliás, esse é o grande desafio do século, conectar-se de verdade, seja com pessoas da sua rede social física ou virtual. Vamos conversar sobre isso? Aparece aqui pra papear com a mulherada e desabafa!

One thought on “Medos e desafios da mulher de hoje: os 7 mais marcantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *